terça-feira, 10 de abril de 2007

As Mulheres de City Hunters


ÂMBAR

Tipo: Existencialista
Grau de dificuldade: 9,1

É o tipo de mulher cheia de conflitos e com discurso pessimista, mas, ao mesmo tempo, inteligente. Amante dos poetas malditos, das cigarrilhas e do Chico Buarque. é claro. Uma figura masculina com autoridade intelectual pode enlouquecê-la e levá-la ao êxtase.


ANNA

Tipo: Histérica
Grau de dificuldade: 9,5

Enquanto você conta para ela a melhor história da sua vida, o olhar dela está atento para ver se há alguém mais interessante com quem ela deveria estar conversando. Seu corpo está desenhado para provocar o maior fluxo de testosterona possível. O telefone dela é o maior prêmio da noite, mas é só você ligar e ela perde todo o interesse. Cuidado, vários já levaram um tombo do alto do Himalaia.


ASTRID
Tipo: Perua de meia-idade
Grau de dificuldade: 6,2

Herdou uma fortuna do falecido marido e está pronta para torrá-la em
todos os prazeres da boa vida. É uma grande hedonista e liberada de qualquer preconceito. Curtir a vida é o seu lema número um. Sempre pronta para a ação e para experimentar tudo. Qual é o seu limite?


GRETA
Tipo: Mocréia guardiã
Grau de dificuldade: -7,1

Contrariando o bom senso, este tipo de mulher é muito complicado. Os números negativos indicam um alto grau de instabilidade. É irônica e corrosiva. Sempre funciona como escudo protetor da sua melhor amiga. Não deixa passar a oportunidade de nenhuma piada. Cuidado com a frase destruidora “temos que ir embora”.


INGRID

Tipo: Turista liberada
Grau de dificuldade: 4,6

Não se deixe enganar. Seu grau de dificuldade habitual é quase o dobro do normal. O recato e a seriedade no país de origem dela desaparecem assim que ela atravessa a fronteira. Em território estrangeiro, se sente livre do olhar inquisidor da sua sociedade e está disposta a experimentar e conhecer o mundo. (Ah, nada como o velho lobby do Ritz em St. Tropez).


KATYA
Tipo: Devoradora de homens
Grau de dificuldade: 9,2

O pai dela sempre quis ter um filho homem e, embora ela seja uma verdadeira mulher, sua personalidade mostra que ela é mais macho do que muito homem. Bebe mais cerveja e dirigindo corre mais do que você. Na intimidade, quando você achou que conseguiu “sua melhor performance”, ela quis novos rounds. Prepare-se para o chicote e as algemas. É hardcore, meu bem, h-a-r-d-c-o-r-e!


MIA
Tipo: Workaholic
Grau de dificuldade: 5,2

É rígida e ambiciosa. Casada com a profissão, aposta toda a sua vida numa única cartada: a do trabalho. Ela se excita mais com uma planilha Excel do que com o Brad Pitt. Precisa urgentemente relaxar e se descontrair. Como dizer isso claramente...? Bem, ela precisa de uma boa... Algum voluntário?


NATÁLIA
Tipo: Falsa gueixa
Grau de dificuldade: 9,4

É linda, simpática, faz qualquer coisa na cama e, além de tudo, depois arruma o quarto. O que mais você quer? Prepara o seu café da manhã e até lava os pratos. Aos pouquinhos, vai se tornando cada vez mais indispensável na sua vida e, quando você perceber, já está morando em um condomínio, dirigindo uma minivan e levando suas filhas à natação.


ROMINA
Tipo: Ex gelada
Dificuldade: ASD (Ainda Sem Determinar)

A partir do momento em que acaba o relacionamento com você, você deixa de existir para ela. Bombardeia os seus ouvidos com uma bateria de clichês do tipo “preciso de um tempo”, “não é você, sou eu” ou “temos projetos diferentes”. Ela adora passear com o personal trainer. Se você atravessar o caminho dela, será atropelado como se fosse um verme. Paciência zen. Tudo volta, pequeno gafanhoto.


RUMBA
Tipo: Festeira
Grau de dificuldade: 8,2

Alter ego de Âmbar. (Claro, alguma tinha que sofrer de dupla personalidade). Viciada em festas de música eletrônica e em todos os seus temperos. Vive na noite. Nunca está de mau humor, nunca fica entediada, nunca tem um problema. Não usa dinheiro vivo nem cartão de crédito, mas alguém sempre paga. Afinal de contas, vive-se apenas uma vez. Ótimo, a menos que ela seja sua irmã.


VIRGÍNIA
Tipo: Alto nível
Grau de dificuldade: 10

Ela é de boa família, filha de profissionais liberais. Seu habitat natural varia entre a universidade, a academia e o shopping. Seus sonhos? Casar (e chegar a esse dia intacta para a noite de núpcias). Será que ela consegue?

Um comentário:

arquetipoi disse...

nossa cara.adorei esse seu topico
e as garas do Manara ai.me fez lembrar de varias que conheci ate hj.
vai o meu blog ai:
http://arquetipoi.blogspot.com/